Como desenvolver o autocontrole das emoções no isolamento social?

0
Estamos vivendo um momento muito desafiador em todo o mundo, em que a maioria das pessoas estão em isolamento social. Tivemos que nos adaptar a uma nova rotina, que tem trazido momentos de solidão e grande aflição. Toda essa mudança repentina traz consequências ao nosso emocional, gerando tensões e afetado nossa saúde mental. Em algumas pessoas a ansiedade, medo e estresse vêm à tona com mais intensidade, pois muito de nós não estamos preparados para enfrentar todo esse contexto.
Uma das mais eloquentes atitudes que devemos tomar durante esse momento é observar as próprias emoções atentamente. Tudo que sentimos durante esse momento expressa, de alguma forma, o nosso inconsciente coletivo convidando todos a repensarem estilos de vida, posicionamentos e cuidados com a própria saúde.
Nos proporcionar uma alimentação adequada, criar uma rotina para tirar o foco do medo e organizar o dia a dia são dicas de ouro para auxiliar no enfrentamento do momento. Sendo assim, alguns dos segredos são: manter a mente sempre ativa, criar uma agenda com rotinas efetivas para o momento, afinal, estamos isolados, e temos que nos resguardar, bem como nosso próximo, e, para isso, precisamos ficar em casa. Alguns estão sós e outros com a família, dividindo um espaço com necessidades e demandas diferentes.
Estamos passando um momento que devemos nos reinventar, aprender coisas novas, de se permitir ao novo e diferente, e, para isso, o cérebro precisa estar aberto a novidades e com conexões bem estabelecidas que serão executadas através de novas sinapses.
E para que tudo isso seja bem vivido é fundamental que possamos ressignificar esse momento. Precisamos tentar passar por essa pandemia fazendo com que consigamos incluir atividades prazerosas e divertidas a nossa rotina, para que os sentimentos negativos decorrentes deste período sejam amenizados. Através dos treinos, o cérebro passa a liberar espontaneamente substâncias essenciais para o bom funcionamento do mesmo, permitindo que nós permeemos entre áreas cerebrais importantes para boas tomadas de decisões.
Como já temos o conhecimento de tudo que estamos passando, devemos nos permitir desenvolver todo nosso potencial criativo, pois então, conseguiremos encontrar soluções adequadas para cada percalço que enfrentaremos. Somente nossa criatividade nos permitirá fazer uso da nossa intuição e olhar todo esse problema sob uma perspectiva diferente.

 60,745 total views,  2 views today

(Visitado17 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Michele Silveira

Michele Silveira

Michele Silveira é formada em Psicologia pela Universidade Gama Filho (CRP 05-24665), com especialização em saúde mental e saúde mental feminina. Tem vasta experiência clínica e também na área de Recursos Humanos. Possui também graduação em Letras com habilitação em inglês e pós-graduação na área. Atende no seu consultório no Vogue Square, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.
06-08-2020 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas