A IMPORTÂNCIA DA AUTOESTIMA PARA TER UM BOM RELACIONAMENTO AMOROSO

0

Relacionamento amoroso tem a ver com diálogo, respeito, flexibilidade, compreensão, afetividade e sexo (quantidade e qualidade). Uma boa relação é construída por sentimentos positivos e genuínos, nada de cobrança e deveres. Tudo é o que é de forma natural, pois a relação não precisa ser perfeita, mas, sim, saudável.

Há alguns indícios de que a sua baixa autoestima está abalando o seu relacionamento amoroso, como:

  1. Você possui um relacionamento que produz sentimentos de humilhação;
  2. Você tem medo de perder o relacionamento;
  3. Você não se sente capaz de buscar outro;
  4. Você se sente desvalorizada, intimidada, acuada e sente dúvidas sobre a sua pessoa;
  5. Acredita que seu cônjuge/parceiro é maior e mais do que você e sente que deve ser grato, mesmo quando se sente intimidada e pequena;
  6. Seu parceiro é responsável pelos seus sentimentos;
  7. Seu relacionamento é vazio, sofrido e traiçoeiro. Ele te chama atenção na frente dos outros e você aceita isso;
  8. Você passa a fazer de tudo para ser uma companheira perfeita, muda seus comportamentos e passa a ser o que você acredita que o seu parceiro gosta.

Quando isso tudo está acontecendo, é um sinal de que a sua autoconfiança já foi embora. Você, por algum motivo, permitiu que seu amor próprio fosse deixado de lado, exercendo, assim, maior foco e prioridade na vida do outro. Essa baixa autoestima vem sempre cercada de três coisas: medo, dúvida e rejeição. Lembranças do passado, de falta de companheirismo, traições e mentiras podem gerar essa disfunção relacional.

Pessoas que sofrem com baixa autoestima são inseguras, têm dificuldade de aceitar os próprios erros, sentem um grande medo de rejeição ou desaprovação, não confiam em suas habilidades e potenciais, se comparam com outras pessoas e falam mal delas mesmas.

Autoestima é um estado que pode ser alterado. O primeiro passo para combater a baixa autoestima é perceber como você a enxerga: ela é baixa ou ela está baixa? É ter consciência de como ela se encontra. Depois, experimente priorizar você, fazendo uma lista de coisas para as quais precisa aprender a dizer NÃO. E ocupe sua agenda com atividades que te priorizem!

 

73,595 total views, 2 views today

(Visitado17 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Erika Guarnieri

Erika Guarnieri

Master coach de autoestima formada pela Federação Brasileira de Coaching Integral Sistêmico e pela Florida Christian University, analista de perfil comportamental CIS Assessment e ministradora do curso Poder da Autorresponsabilidade.
Erika Guarnieri

Latest posts by Erika Guarnieri (see all)

21-06-2019 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas