8 dicas para um Carnaval mais sustentável

0

Carnaval, o feriado mais esperado do ano, onde podemos sair de casa vestindo as melhores fantasias, encontrar os amigos para beber, dançar, enfim, nos divertir. Mas já pensou que você pode curtir a folia de uma forma mais ecológica e produzindo menos lixo?

Sabia que, no ano passado, o carnaval carioca gerou pelo menos 700 toneladas de lixo? Isso é muito preocupante. Estima-se que, no período de carnaval, o lixo tem um aumento de 40%.

Abaixo vou dar oito dicas para você poder curtir o carnaval e também se preocupar com o meio ambiente.

 

  1. Reaproveite fantasias de outros carnavais

Sabe aquelas fantasias que você comprou nos últimos anos? Não é mico se você reutilizá-las. Além de custar dinheiro, uma fantasia nova a cada carnaval consome recursos naturais — é preciso considerar a quantidade de água e de energia necessárias para a fabricação de novas peças. E, se você não tem o que usar, você pode trocar com os seus amigos, fazer um bazar e/ou também improvisar sua fantasia e acessórios com materiais que você encontra em casa.

 

  1. Confete biodegradável

Já pensou que aquele confete no chão polui o meio ambiente? O confete é feito de plástico e, por ser muito pequeno, parece que não impacta, mas estamos enganados. Quanto menor for o plástico, pior para a natureza e para os animais marinhos. Por isso, pensamos em uma alternativa. Que tal se os confetes fossem feitos com folhas e flores caídas do chão? É só juntar folhas e flores de diferentes cores e usar o furador de papel. Além de ser gratuito, também é biodegradável.

 

  1. Glitter biodegradável

E o glitter que fez sucesso no carnaval do ano passado? Brilho, brilho, brilho, é tudo o que mais gostamos. Mas vocês sabiam que esse glitter é feito de micro plástico e esse vai direto para os rios e mares, piorando ainda mais a vida marinha? Estima-se que 85% de todo o plástico que está poluindo nossos oceanos vêm do micro plástico.

Além de enfrentarmos a dificuldade de tirá-los do nosso corpo, das roupas, do chão da nossa casa e da rua, o glitter vai parar direto no esgoto quando tomamos banho, e nos rios e mares quando a chuva e o vento levam para lá.

Felizmente, temos alternativas ecológicas, agora existe glitter biodegradável, ou seja: em contato com a natureza ele se dissolve e não apresenta riscos nem para o corpo humano e nem para os animais.

Li uma coluna que ensina a fazer em casa usando apenas sal de cozinha e corante. Mas eu não aconselho a fazer porque em um estudo foi encontrado até 90% de micro plástico no sal da cozinha (infelizmente, consumimos micro plásticos também), e, além de algumas pessoas serem alérgicas a corante, ele também prejudica o meio ambiente, pois, em contato com rios e mares, libera toxinas o suficiente para matar organismos como a pulga d’água, um microcrustáceo, além de inibir o crescimento de algas de água doce.

Já o glitter encontrado em lojas ecológicas utiliza outros materiais, como: água marinha, à base de gel de Aloe Vera, minerais e outros. E você pode procurar por algumas marcas como Pura Bioglitter, Shock, Brilhow e Glitra.

 

  1. Copo reutilizável

Já sabemos que não é nem um pouco sustentável usar copo descartável, então por que nesse carnaval não começar usando copos reutilizáveis? Pode ser aquele copo que você comprou nas olimpíadas, pode ser aquele copo que você comprou nas festas da faculdade (tem até um cordão para não perder) e também podem usar os do Meu Copo Eco ou da Menos 1 Lixo.

 

  1. Vá de lata

Prefira as bebidas em lata ao invés das de plástico e as de garrafas de vidro, pois, além de serem mais recicláveis, as latas de alumínio geram renda para mais de 800 mil catadores no Brasil.

 

  1. Diga não ao canudinho

Recuse usar canudo e, se precisar, prefira os de inox, bambu e de papel.

 

  1. Transporte sustentável

A melhor forma de locomoção é a pé e de bike. Além desses, nesse carnaval, ao invés de usar o carro, você pode andar de transporte público. E, se precisar usar Uber, 99, Cabify ou táxi, prefira dividir com os amigos, pois, além da economia, serão geradas menos emissões de CO², a melhor escolha para o meio ambiente.

 

  1. Lixo no lixo

Esperamos que você se lembre sempre do mantra “leve o lixo com você”. Depois da folia, o mínimo que você deve fazer é a sua parte, então não jogue lixo no chão ou na areia. Leve o lixo com você até uma lixeira próxima para descartar corretamente.

 

209 total views, 2 views today

(Visitado51 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Nicoli Schwaab

Nicoli Schwaab

Nicoli Frantz Schwaab tem 24 anos, é formada em Publicidade e Propaganda. Pisciana, é amante de livros, filmes e séries. Apaixonada pela natureza, pela mente humana e pelos movimentos sociais. Escreve com um olhar mais crítico sobre os temas mas sem deixar a positividade de lado. E-mail: nicolischwaab3@gmail.com
25-02-2019 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Desenvolvimento evo.ag.
Pular para a barra de ferramentas