O poder das farinhas

Conheça os benefícios

0
shutterstock_62287426

Foto: Shutterstock

 

Em meus atendimentos, sempre observo que as pessoas ficam confusas sobre qual farinha e em qual momento usar.Hoje em dia, temos uma diversidade de farinhas, e por isso resolvi esclarecer alguns conceitos.

As farinhas funcionais são feitas a partir de frutas,grãos ou cereais, que são ricas em fibras essenciais para o bom funcionamento do organismo e, quando adicionadas às refeições, tornam o prato mais saudável e nutritivo. A principal função das farinhas é fazer o intestino funcionar corretamente e consequentemente diminuir o colesterol e a glicose.

Por serem excelentes fontes de fibras, a maioria das farinhas combate a constipação intestinal, reduz o colesterol total, LDL, previnem e controlam o diabetes, além de causar saciedade.

Farinha de feijão branco é fonte de faseolamina, que inibe parcialmente a ação da amilase, enzima que digere carboidratos,auxiliando no emagrecimento e no controle das taxas de açúcar no sangue, geralmente é adicionada em sucos ou água, antes das principais refeições.

Farinha de berinjela é uma boa fonte de fibras, que tem o poder de promover saciedade, auxiliando assim no emagrecimento. Reduz o LDL, triglicerídeo e ácido úrico e ajuda na constipação intestinal, geralmente usa-se 2 colheres de sopa no almoço e no jantar.

Farinha de banana verde contém o amido resistente, que favorece o crescimento de bactérias probióticas no intestino, que têm uma relação maior com hormônios saciogênicos(que promovem saciedade), geralmente utilizamos 2 vezes ao dia, no almoço e no jantar.

Farinha de linhaça promove saciedade e facilita a perda de peso ao acelerar o metabolismo e estimular o intestino, melhorando o trânsito intestinal, atua também na diminuição das taxas de colesterol, e é riquíssima em w-3, que reduz as taxas de triglicerídeos, geralmente usamos no arroz e feijão, nos sucos, bolos, iogurte.

Farinha de uva é feita com a casca da uva tinta, apresentando assimaltas concentrações de antioxidantes, que combatem os radicais livres, e ajudam a manter a flexibilidade das artérias, melhorando a circulação sanguínea e prevenindo as doenças cardiovasculares, além de ser rica em resveratrol, que ajuda a diminuir as taxas de LDL e aumentar o HDL, geralmente usamos no suco, iogurte, bolo.

Farinha de maracujá auxilia no emagrecimento e a manter os níveis de glicemia e colesterol.A casca do maracujá possui alta concentração de pectina, que é uma fibra solúvel e não é absorvida pelo organismo, formando um gel, que dificulta a absorção da glicose, sendo ótima para os diabéticos.

A farinha de maracujá contém fósforo, cálcio, ferro e vitamina B3, geralmente usamos em sucos, vitaminas e frutas.

Observação:nunca troque suas refeições por farinhas; elas têm função de melhorar a alimentação e não substituir.

1,302 total views, 2 views today

(Visitado93 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Bruna Paganini

Bruna Paganini

Graduada em Nutrição, pós graduada em Segurança Nutricional e Qualidade dos Alimentos e em Personal Diet e Atendimento Nutricional. Há 4 anos desenvolvendo consultorias em creches, escolas e atendimento domiciliar.
Bruna Paganini

Latest posts by Bruna Paganini (see all)

25-09-2015 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas