Perspectivas do Mercado Imobiliário para as Olimpíadas 2016

0
Perspectivas do Mercado Imobiliário para as Olimpíadas 2016

A demanda prevista para os jogos de 2016  é de 380 mil visitantes, o que é superior à capacidade hoteleira, restando aos imóveis residenciais uma opção de estada na cidade | Foto: Fernando Maia/Riotur

Com o advento do evento de grande porte que a cidade do Rio de Janeiro sediará no próximo ano, já existem oportunidades diversas para proprietários de imóveis. A realização das Olimpíadas no Rio de Janeiro em 2016 já está impulsionando o mercado imobiliário. A procura por imóveis já iniciou e contratos já estão sendo assinados e pagos antecipadamente – tanto de forma parcial quanto na totalidade do pacote!

Segundo dados do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur) estão previstos cerca de 380 mil turistas para assistir às competições, ou seja, a demanda será muito superior ao que a nossa rede hoteleira poderá atender, o que favorece a procura por aluguéis, contratos por temporada, assim como hospedagens alternativas, no estilo Bed & Breakfast, que já foram realizados com sucesso durante a Copa do Mundo.

Alugar um imóvel por temporada para pessoas que participarão das Olimpíadas certamente representa um lucro maior do que alugar de forma tradicional. A formação do preço é baseada em vários fatores: estado do imóvel, condomínio ao qual ele pertence, localização, facilidade de transporte, acesso ao comércio. É de extrema importância que o imóvel esteja em boas condições e que o valor seja coerente, pois na Copa muitos imóveis ficaram vazios por cobrarem valores fora do aceitável, abusivos mesmo. Importante contar com a assessoria de um bom profissional para fazer uma avaliação adequada, possibilitando o objetivo final, que é a locação do imóvel.

​Nesse momento, já estamos cadastrando desde locação de quartos no sistema Bed & Breakfast até apartamentos de 4 quartos na Zona Sul, Barra e na Região Olímpica para atender aos pedidos que já estamos recebendo para 2016.​ As solicitações têm sido por diárias ou por meses…Tudo depende da finalidade que a pessoa terá no evento. Para quem pretende alugar o apartamento por temporada, é fundamental que o imóvel esteja completamente mobiliado e equipado. É fundamental ter todos os utensílios de cozinha, enxoval de cama, mesa e banho.

É também de extrema importância que seja feito um inventário contendo todos os móveis, eletrodomésticos, enxoval de cama e banho, utensílios de cozinha, citar detalhadamente os pisos (material e cor), paredes (material e cor), portas (material e cor), armários, louças, iluminação, metais de todos os ambientes. Esse inventário deverá ser dividido por ambiente (sala de estar, sala de jantar, varanda, suíte, quarto, banheiro social, cozinha, área etc). Nele, deverá constar detalhadamente cada item, a quantidade, as características e o estado em que cada item se encontra. No dia da entrega, será agendada uma vistoria para conferência desse inventário e assinarão locador – ou seu preposto -, locatário e duas testemunhas.

Na devolução do imóvel deverá ser feito esse mesmo procedimento. Para ficar ainda mais detalhado, o ideal seria anexar fotos tiradas no dia da entrega e no dia da devolução do imóvel. Se todas essas etapas forem cumpridas, locador e locatário estarão protegidos e não haverá dúvidas quanto às condições em que o imóvel foi entregue e devolvido. Em caso de divergência entre o dia da entrega e da devolução, o locatário deverá arcar com as despesas pela reposição e/ou reparo dos itens.

Portanto, se você pretende alugar o quarto ou seu imóvel na totalidade, contrate uma imobiliária ou administradora imediatamente para que possa fazer a avaliação, a fim de que possa concretizar bons negócios advindos de um grande evento, que ficará na história da nossa cidade!

Até à próxima coluna. Boa sorte a todos!

 1,992 total views,  1 views today

(Visitado881 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Cristina Figueiredo

Cristina Figueiredo possui 23 anos de experiência nas áreas de turismo e imóveis. É bacharel em Turismo pela Universidade Estácio de Sá, fez faculdade de Gestão Imobiliária, é especialista em Administração de Hotéis pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), possui habilitação e experiência na avaliação judicial de imóveis e registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci). Atualmente, é diretora da Rio Imóveis Prime.

27-04-2015 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas