Moradora da Barra destaca a vida no bairro

Ana Maria Antonelli comenta que encontra tudo perto de casa

0
Moradora da Barra

Ana Maria Antonelli da Veiga adora trabalhar com pacientes da terceira idade e coloca em prática na Barra aquilo que mais gosta: o atendimento domiciliar desse público | Foto: Divulgação

Viver e trabalhar no mesmo bairro é o sonho de muita gente e isso acontece com a moradora da Barra, Ana Maria Antonelli da Veiga. Ela começou sua trajetória profissional na cidade de Santa Maria, interior do Rio Grande do Sul. Como dentista da Força Aérea Brasileira, em janeiro de 2011 veio transferida para o Rio de Janeiro e escolheu a Barra para viver. Hoje, ela também trabalha em uma clínica no bairro, a Definitive Odontologia.

– Vim transferida do Rio Grande do Sul para cá em 2010 e escolhi a Barra da Tijuca para morar pela proximidade do meu trabalho e por ser um bairro que possui tudo que preciso.

Além disso, ela colocou em prática na região o atendimento odontológico domiciliar, algo que ela já conhece há algum tempo e que ainda não vê muito por aqui.

-Essa ideia surgiu por perceber que o Rio de Janeiro é uma cidade que, assim como nosso país, encontra-se em um processo de envelhecimento de sua população, ou seja, cada vez mais o número de idosos vem aumentando porém o número de profissionais habilitados e dispostos a atender a esta população ainda é pequeno – comenta ela.

O que você costuma fazer na Barra?
Trabalho aqui e nas horas de lazer costumo aproveitar os mais variadas formas de entretenimento que a Barra oferece como ótimos restaurantes, cinemas, teatro, música, além de praticar atividade física na praia.

Indicaria o bairro para outras pessoas morarem aqui?
Sim, indicaria, pois acho um bairro bastante conveniente. Aqui encontro serviços como cartórios, ótimas clínicas médicas com profissionais muito bem qualificados, shoppings centers ao lado de uma das praias mais belas do Rio de Janeiro.

Quais são os pontos positivos da Barra?
Essa facilidade de encontrar tudo que preciso para mim é o ponto máximo.

Você conhece a Utilità? Como ela poderia ajudar no seu negócio?
Sim, conheço, a Utilità é um veículo de divulgação maravilhoso, pois consegue trazer aos seus leitores notícias, produtos e muitas pessoas recorrem a ela para buscar serviços, indicações e dicas de entretenimento. Por ser o atendimento domiciliar um serviço bastante especializado, a veiculação em uma revista de grande circulação como a Utilità é importante para torná-lo conhecido.

Você tem um consultório na Barra. Como começou a sua trajetória profissional e por que escolheu abrir um consultório no bairro?
Minha trajetória profissional começou em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, onde cursei odontologia, fiz diversos cursos e atuei lá até o ano de 2010. Como sou dentista da Força Aérea Brasileira, em janeiro de 2011, vim transferida para o Rio de Janeiro e em seguida fui convidada pelo Dr. José Herinque Frederico a fazer parte da equipe Definitive, prestando serviço na área da prótese dental, odontogeriatria e atendimento domiciliar. Sempre gostei de trabalhar com idosos e aqui  tive a oportunidade de fazer muitos cursos, dentre eles o de Gerontologia na Uerj e o mestrado em prótese dentária na UFRJ que atualmente estou cursando. Coordeno um serviço odontológico domiciliar da Aeronáutica que atende muitas pessoas acamadas e antes de sua implementação, essas pessoas ficavam desassistidas e sofrendo por problemas odontológicos. Por esta vivência, a Definitive criou este serviço para que mais pessoas possam ser beneficiadas.

Como você teve a ideia de fazer atendimento domiciliar odontológico?
Na verdade essa ideia surgiu por perceber que o Rio de Janeiro é uma cidade que, assim como nosso país, encontra-se em um processo de envelhecimento de sua população, ou seja, cada vez mais o número de idosos vem aumentando porém o número de profissionais habilitados e dispostos a atender a esta população ainda é pequeno. A Odontologia domiciliar beneficia, principalmente, aquelas pessoas muito debilitadas, acamadas, que para família retirá-las de casa torna-se um grande problema, pois necessitam de uma logística especial, envolvendo muitas pessoas e gastos com transporte especializado desses pacientes.

1,182 total views, 1 views today

(Visitado165 vezes, 2 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Rafaela Tayão
Sou jornalista apaixonada pelo trabalho on-line, atraída pelo Marketing Digital e encantada pelo poder que as palavras têm. Fico mais feliz ainda quando sei que é por elas que muita gente encontra o que quer!
09-04-2015 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas