Site de relacionamento une casal da Barra

Casal se conhece na web e em pouco mais de um ano sobem no altar

0
Site de relacionamento ajuda moradora da Barra a casar

Danielle Damasceno e Fernando Espedito casaram-se em março de 2014, 1 ano e 1 mês depois de se conhecerem pelo site de relacionamento | Foto: Marcelo Bruno

A tecnologia ajuda o amor a se conectar, que o diga a moradora da Barra e fonoaudióloga, Danielle Rodrigues Damasceno de Sousa, de 32 anos. Em fevereiro de 2013, ela conheceu o seu atual marido, Fernando Espedito de Sousa, de 37 anos, em um site de relacionamento voltado para evangélicos, o Amor em Cristo, que conta com mais de 3 milhões de cadastrados e quase a mesma quantidade de fãs no Facebook.

– Eu estava solteira havia um ano e recebi o conselho de uma amiga que trabalhava no site. Entrei, encontrei o perfil do Fernando, mandei uma mensagem para ele, que respondeu imediatamente – comenta ela.

Site de relacionamento ajuda moradora da Barra a casar

Espedito convidou Danielle para andar de bike no primeiro encontro, mas ela preferiu o quiosque para poderem conversar mais | Foto: Marcelo Bruno

Logo depois, o casal marcou o primeiro encontro em um quiosque na Barra, na altura do posto 8, e conversaram durante uma hora.

-Nos primeiros dez minutos, eu ficava pensando se era realmente ele o homem que falou comigo no site. Foi muito bom, batemos papo, ele tentou me beijar seis vezes, só na sétima que eu deixei (risos). Fomos embora e não prometemos nada um ao outro, mas tudo fluiu e deu certo – recorda a moradora da Barra.

O namoro logo começou e em março deste ano o casal subiu ao altar para casar, no Grumari, remetendo ao primeiro encontro deles. Todos os detalhes do casamento tiveram ligação com a história de amor que ambos construíram.

Danielle Damasceno dá um conselho para as evangélicas que querem encontrar um companheiro.

-O site é muito sério, conheço pessoas que trabalham lá, é tudo muito profissional. Não é qualquer post que pode entrar no ar, não é qualquer foto, tudo passa por um monitoramento para estar adequado às buscas feitas por quem está logado. O site também dá muitas dicas interessantes, uma delas diz respeito ao primeiro encontro, como marcar em uma igreja, seja do homem ou da mulher, pois lá estão as pessoas que eles conhecem e isso passa uma maior segurança – comenta ela.

Site de relacionamento fomenta 100 casamentos por ano

 

Um estudo feito pela Universidade de Chicago afirma que um terço dos casais que se casaram depois de 2005 nos EUA se conheceram pela internet. Por aqui, a situação não é tão diferente. Segundo Carlos Vinicius Buzulin, o CEO do site Amor em Cristo, considerado o maior portal de relacionamentos cristão, a vida on-line traz mais uma opção para achar a cara-metade. Somente contando com casais que se conheceram no site, cerca de 100 casamentos acontecem por ano.

Para unir ainda mais as pessoas e facilitar a vida de quem está em busca da metade da laranja, o Amor em Cristo lançou um aplicativo para ser baixando em tablets e smartphones, disponível no Google Play ainda em fase Beta, conforme explica Buzulin.

-Usando o aplicativo, as pessoas vão poder se conectar aonde elas estiverem, dando mais interatividade entre os usuários – explica.

Outra possibilidade para facilitar a comunicação é o novo messenger do portal.

-A ferramenta está melhor, a mensagem digitada aparece imediatamente na tela do outro e mesmo que esta seja trocada no site, a mensagem fica à mostra até que o usuário feche a janelinha -diz ele.

Com pouco mais de dez anos de vida, o Amor em Cristo tem 63% de mulheres cadastradas e 37% de homens. O Rio está em segundo lugar em quantidade de usuários, com cerca de 480 mil inscritos. A faixa etária varia bastante, com predominância de 25 a 35 anos (18%), seguido de 35 a 40 (15%), 40 a 45 e mais de 50 anos (12%) e 45 a 50 (10%).

1,295 total views, 2 views today

(Visitado235 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Rafaela Tayão
Sou jornalista apaixonada pelo trabalho on-line, atraída pelo Marketing Digital e encantada pelo poder que as palavras têm. Fico mais feliz ainda quando sei que é por elas que muita gente encontra o que quer!
30-10-2014 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas