Entrevista com Irene Nagashima

Uma das fundadoras do sucesso CineMaterna fala com exclusividade à Utilità

0

Irene Nagashima
Irene Nagashima
é mãe, como milhões de brasileiras. Ela e algumas amigas tiveram a brilhante ideia de se reunir com os filhos em sessões de cinema, seguidas de debate sobre o filme e café. Estava criada, então, a CineMaterna, sucesso em diversos cinemas do Brasil. Para se ter ideia da dimensão que o projeto ganhou, o CineMaterna já está presente em 32 cidades do país, em 15 estados, e conta com 60 salas de cinema, além de 200 mães colaboradoras.

Por aqui na região, o Rio Design e o Recreio Shopping disponibilizam suas grandes salas para o projeto que, a cada dia que passa, conquista mais fãs na região. Confira a entrevista com Irene Nagashima!

Utilità: Como e quanto surgiu o projeto? E ele está atendendo a proposta? Como conseguem medir isso?

Irene Nagashima: A concepção do CineMaterna surgiu de uma necessidade pessoal. Quando meu primeiro filho estava com cinco meses, desabafei com outras mães em uma lista de discussão sobre parto humanizado e outras questões da maternidade, como sentia falta do meu programa de lazer favorito, que era ir ao cinema. Uma delas lançou o desafio: por que não vamos ao cinema com nossos bebês? Organizei o primeiro encontro, em um cinema na região central de São Paulo, em uma sessão no começo da tarde, portanto, mais vazia. “Invadimos” o cinema com nossos bebês, eu e mais 10 mães. Assistimos Juno, com Ellen Page, sobre uma adolescente que engravida e decide doar seu bebê. Os bebês dormiram e nós assistimos ao filme tranquilamente. Saímos do filme felizes e fomos tomar um café, onde conversamos por quatro horas.  Saímos tão leves do NOSSO programa, que fizemos aquilo todas as semanas, por seis meses, até que decidimos lançar o CineMaterna.

Utilità: Na Barra e no Recreio, quais cinemas vocês já visitaram? São quantas sessões anualmente? A programação de 2014 está pronta?

Irene Nagashima
:  Na Barra e no Recreio, estamos no Rio Design Barra e Recreio Shopping. São em torno de 11 sessões por ano em cada cinema, paramos apenas entre Natal e Ano Novo. A programação de 2014 está no site cinematerna.org.br.

Utilità: Durante os filmes, como os bebês se comportam? Eles choram muito? Como é feita a escolha dos filmes?

Irene Nagashima: Os filmes são escolhidos por meio de enquetes no site da iniciativa.  Para conhecer, conferir as sessões e se cadastrar para a escolha dos filmes, acesse: http://www.cinematerna.org.br. Os bebês se comportam muito bem. Os pequenos mamam e dormem. Os maiorzinhos podem dar um pouco mais de trabalho e engatinhar ou caminhar pela sala de cinema, o que torna o ambiente bastante inusitado. Alguns bebês  podem chorar, sim, e isso é tolerado, pois o ambiente é receptivo, as mães estão na mesma sintonia.

 707 total views,  1 views today

(Visitado58 vezes, 1 visitas hoje)

The following two tabs change content below.
Leandro Amaral
Jornalista, fotógrafo, carioca, apaixonado por esportes e pelo Vasco!
12-09-2014 |

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Utilità, Mantido por RT Soluções.
Pular para a barra de ferramentas